França e Bélgica duelam para ir à decisão

Por Comunicação FBF, 09 de Jul 2018 - 17h12

O primeiro finalista da Copa do Mundo da Rússia será conhecido na tarde desta terça-feira (10), em São Petersburgo, onde se enfrentam as seleções da França e da Bélgica, pela semifinal. Campeões em 1998, em casa, e vice em 2006, na Alemanha, os franceses tentam chegar à sua terceira final, enquanto os belgas jamais foram campeões ou alcançaram uma decisão de Mundial, tendo como melhor desempenho um quarto lugar em 1986, no México.

Elogiadíssimo por alterar a estratégia e o posicionamento dos jogadores na partida que mandou a Seleção Brasileira para casa, o técnico da Bélgica, o espanhol Roberto Martínez, não revelou como irá substituir o lateral-direito Meunier, suspenso pelo segundo cartão amarelo. O zagueiro Alderweireld ou o meio-campista Chadli são cotados para atuar improvisados no setor.

Apesar do mistério belga, o cabeludo Fellaini está cotadíssimo para ser titular novamente. O meio-campista entrou no segundo tempo das oitavas de final, quando o Japão vencia por 2 a 0. Fez o gol de empate da Bélgica e foi mantido contra o Brasil, quando teve ótima atuação.

Os franceses treinaram nesta segunda-feira (9) no palco da semifinal


Na França, do técnico Didier Deschamps, mesmo sem participar do treinamento desta segunda-feira (9), o atacante Mbappé não deve desfalcar os Bleus. Pouco antes das atividades no palco do jogo, o treinador havia afirmado que descansaria alguns atletas, apenas como prevenção.

“Não há ninguém fora. Até por isso, descansamos alguns jogadores como medida de precaução. Todos devem estar à disposição”, afirmou Deschamps. Se de fato tiver o time completo, a França tem apenas uma dúvida de ordem técnica no meio-campo: Mautidi ou Tolisso.

Ídolo da França, o agora auxiliar Henry estará no banco da Bélgica


Como curiosidade, no banco da Bélgica estará o francês Thierry Henry, que é auxiliar técnico do espanhol Roberto Martínez. O ex-atacante foi campeão mundial em 1998 e é o maior artilheiro da história da seleção da França, com 51 gols em 123 partidas, sendo o recordista em participações em Copas do Mundo (quatro vezes) e o segundo maior goleador em mundiais, com seis gols, atrás de Just Fontaine, autor de 13 gols e maior recordista de gols em uma só edição do Mundial.
 

FICHA TÉCNICA

FRANÇA X BÉLGICA

Local: Estádio Krestovsky, em São Petersburgo.
Data e horário: 10/7, às 15h (de Brasília).
França: Lloris, Pavard, Varane, Umtiti e Hernandez; Kanté, Pogba e Matuidi (Tolisso); Mbappé, Griezmann e Giroud. Técnico: Didier Deschamps.
Bélgica: Courtois, Alderweireld, Kompany e Vertonghen; Fellaini, Witslel, Vermaelen e Chadli; De Bruyne, Lukaku e Hazard. Técnico: Roberto Martínez.
Árbitro: Andrés Cunha (Uruguai).
Assistentes: Nicolas Taran e Mauricio Espinoza (ambos do Uruguai).

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

ENCONTRE-NOS NO FACEBOOK

SIGA-NOS NO TWITTER

ENQUETE