Diego Pombo vai apitar final da Copa do Nordeste

Por Edmilson Ferreira - Comunicação FBF, 20 de Mai 2019 - 16h20

A temporada para o árbitro baiano Diego Pombo Lopez tem sido bastante produtiva. Após apitar a primeira partida das finais do Campeonato Baiano da Série B, no último domingo (19), em Ipiaú, ele foi comunicado de que irá comandar o primeiro jogo das finais da Copa do Nordeste, entre Fortaleza e Botafogo-PB, na próxima quinta-feira (23), às 21h30, na Arena Castelão, em Fortaleza.

Este ano, Diego Lopez foi escolhido o melhor árbitro do Campeonato Baiano da Série A. No dia da premiação, ele estava participando de um curso de treinamento para árbitros de elite na Granja Comary, no Rio de Janeiro, ministrado pelo presidente da Comissão Nacional de Arbitragem, Leonardo Gaciba.

Árbitro recebeu na FBF o troféu de melhor do Baianão 2019


Assim, na última sexta-feira (17), Diego recebeu o troféu num encontro com o presidente da FBF, Ricardo Lima, o vice-presidente Manfredo Lessa e o presidente da Comissão Estadual de Árbitros de Futebol da Bahia (CEAF/BA), Jailson Macedo Freitas.

MAIS BAIANOS – Além de Diego Pombo, outros quatro baianos vão trabalhar na partida Fortaleza x Botafogo-PB, pelas finais da Copa do Nordeste: os assistentes Elicarlos Franco de Oliveira e José Carlos Oliveira dos Santos; o 4º árbitro Ricarle Gustavo Gonçalves Batista e o 5º árbitro Edevan de Oliveira Pereira, todos do quadro da CBF.

Diego Pombo Lopez nasceu em Salvador, em 7 de agosto de 1986, e ingressou no quadro nacional de arbitragem em 1 de março de 2009. Aos 32 anos, ele é formado em fisioterapia e este ano já trabalhou em jogos da Copa do Nordeste e da Série B do Brasileirão.

Diego (no centro) participu do curso de VAR (Foto: Daniel Guimarães/CBF)


Foi quarto árbitro no jogo Fluminense 0x1 Goiás, no último dia 28 de abril, no Maracanã, válido pelo Campeonato Brasileiro da Série A. Em março deste ano, ele participou da Turma II do Curso de Capacitação de Árbitro de Vídeo 2019, no Eco Resort Oscar Inn, na cidade de Águas de Lindóia, em São Paulo, ao lado de outros 31 árbitros e assistentes do quadro da CBF.

Foto capa: Felipe Oliveira / EC Bahia

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

ENCONTRE-NOS NO FACEBOOK

SIGA-NOS NO TWITTER

ENQUETE